A FUNDIMAZZA

Idealizada pelo seu fundador Sergio Aparecido dos Santos, fundada em julho de 1999, com início das atividades em dezembro do mesmo ano, a Fundimazza uma empresa genuinamente brasileira e sua trajetória ao longo destes anos é marcada por imensas dificuldades. No passado a empresa possuía alguns equipamentos básicos e tinha como desafio ser referência no mercado em que atua, sonho do fundador, que nunca mediu esforços para que isso se tornasse uma realidade. Com o decorrer dos anos a empresa vem crescendo, adquirindo equipamentos de alta tecnologia e colaboradores extremamente qualificados. Hoje tem sua sede principal instalada na cidade de Cordeirópolis/SP, e uma nova unidade, em fase de construção, na cidade de Araras/SP.

OTIMIZAÇÃO NO PROCESSO
RAPIDEZ NA ENTREGA
REDUÇÃO DE CUSTO
ACEITAMOS CARTÃO BNDES

Nossos Serviços

Na Fundimazza a relação com seus clientes é de parceria. Oferecemos uma gama de serviços que agregam valor ao produto. Isso significa, na prática, otimização no processo de fabricação de peças, rapidez na entrega, benefícios à logística dos clientes.

POLÍTICA DE QUALIDADE

A Fundimazza orgulha-se de, juntamente com seus colaboradores, estar entre as primeiras indústrias de microfusão a implantar com sucesso a NBR ISO 9001, a mais conceituada norma de padronização para controle de sistemas de qualidade.

ISO-9001-menor

Últimas Notícias

Processos na Microfusão

A primeira fase do processo é a injeção das peças em cera na ferramenta (molde). O Setor de injeção conta com máquinas automáticas e profissionais treinados, garantindo a fidelidade do molde de cera.

O molde em cera é, a rigor, um modelo do que será exatamente a peça microfundida. Para garantir a fidelidade do molde, é necessário rebarbá-lo, ou seja, retirar cuidadosamente finas arestas que, mesmo sendo quase imperceptíveis, não fazem parte da peça.

Após a rebarbagem, os moldes ainda em cera são, por meio de processo térmico, unidos a um canal também injetado em cera, o que os deixa com a aparência de um cacho.

Os moldes montados em cachos recebem nesta etapa várias camadas de material cerâmico refratário especial, com rigoroso controle de umidade e temperatura na sala de banho.

Após os moldes serem montados em cachos e revestidos de material refratário especial, são enviados à autoclave, que extrai a cera do interior dos cachos por meio de vapor d´água super aquecido a alta pressão. Os espaços anteriormente preenchidos com os moldes em cera ficam, então, vazios.

Para adquirir maior resistência mecânica e ao choque térmico, os moldes cerâmicos já decerados são levados ao forno a 1100°C para calcinação.

Depois de calcinados, os moldes cerâmicos são cuidadosamente envasados com aço líquido, que por gravidade vaza para o molde todo, formando as peças brutas, ou seja, unidas ao canal.

As peças são separadas do canal por corte, são lixadas, recebem o acabamento específico (jateamento, tratamento térmico, gravadas por micro-pontos, etc.) e passam por rígida inspeção antes de serem enviadas para o cliente.

Todas as peças passam por análises químicas através de um espectrômetro de emissão óptica e quando necessário, por ensaios mecânicos e metalográficos.

Oriente-se e Fale Conosco

Para saber mais sobre nosso processo de fundição, serviços, produtos ou especificações técnicas, clique nos ícones abaixo.



Por favor, anexe seu currículo ou outro arquivo.





Cordeirópolis
Araras